.

.

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Eventos contribuem com geração de emprego e movimentam economia de Ubatuba

Estimativas indicam que aproximadamente 400 ubatubenses trabalharam direta e indiretamente na organização das provas do último fi... thumbnail 1 summary






Estimativas indicam que aproximadamente 400 ubatubenses trabalharam direta e indiretamente na organização das provas do último fim de semana
O Desafio das 28 Praias e o Rei e Rainha do Mar, dois grandes eventos esportivos, agitaram Ubatuba no último fim de semana e movimentaram diferentes setores da economia local. 


A estimativa é que a programação tenha atraído um público de cerca de 4 mil atletas, fora os acompanhantes, imprensa e espectadores – o que deve ter implicado em, no mínimo, o dobro de pessoas da cidade.




Geração de Emprego

Além de movimentar a economia local, outro destaque das competições foi a geração de emprego. Em praticamente todos os setores das provas – tanto Rei e Rainha do mar como a 4ª edição do Desafio das 28 Praias - diferentes profissionais da cidade aproveitaram a oportunidade para prestarem seus serviços às organizações.

Um exemplo é Roberto Peres. Morador da praia do Lázaro, ele trabalhou pela primeira vez no Desafio das 28 Praias. “Esses eventos são importantes pois apresentam para muitas pessoas as belezas de Ubatuba, movimentam a economia e geram empregos. Mexe com toda a cidade. É bem bacana”, afirmou Peres.

Estimativas indicam que aproximadamente 400 ubatubenses trabalharam direta e indiretamente na organização das provas. “Gerar esses empregos na baixa temporada é muito importante para nossa população”, destaca o prefeito Mauricio.

Segundo Potiguara do Lago, secretário municipal de Turismo, desde 2013 a atual gestão da Prefeitura promove e fomenta eventos, principalmente ao ar livre. Ainda segundo o secretário, a contrapartida social vincula, obrigatoriamente, a contratação da mão de obra local para o staff das provas.

“Se a prova acontece na costa sul, o pessoal da região é contratado. Se acontece no centro ou no norte, é esse pessoal que tem oportunidade”, explica Poti.

Ainda de acordo com o secretário, muitos  eventos, atualmente, são organizados por empresas estruturadas e experientes e chegam a atrair participantes até mesmo de fora do país.

“É essa política que manteve Ubatuba movimentada nos fins de semana de baixa temporada nos últimos três anos. Para se ter uma ideia, só no feriado de Corpus Christi teremos seis eventos simultâneos. Um deles é o Sampa Jazz Festival”, comemora o secretário.

FONTE    ..............PMU. 

Nenhum comentário

Postar um comentário