.

.

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Instrutor de mergulho encontra baleia-jubarte em Ubatuba; assista

Emerson Figueredo filmou o animal, avistado perto da Ilha da Selinha. Ocorrência da espécie na região vem aumentando nos últimos anos. ... thumbnail 1 summary


Emerson Figueredo filmou o animal, avistado perto da Ilha da Selinha.
Ocorrência da espécie na região vem aumentando nos últimos anos.


Uma baleia-jubarte foi flagrada em alto-mar na manhã desta segunda-feira (20) em Ubatuba, litoral norte de São Paulo. De acordo com Emerson Figueiredo, que gravou o vídeo, o animal chegou a encostar na embarcação em que ele estava.


As imagens foram feitas por volta das 9h, perto da Ilha da Selinha. Emerson costuma passar por aquela área durante suas atividades. Ele é instrutor de mergulho em Ubatuba e disse que é comum ver animais neste ponto, que é mais distante do continente.
Ele se surpreendeu com a espécie avistada.“Já tinha visto outros animais, outras espécies de baleia, mas nunca a jubarte. Então eu vi a baleia de longe e resolvi me aproximar para filmar, acabei chegando bem perto. Na hora eu fiquei até com medo dela entrar debaixo e o barco virar”, afirma.
Perigo
Apesar de despertar o interesse da população, a aproximação pode trazer riscos para o ser humano e também para as baleias. O oceanógrafo do Aquário de Ubatuba, Hugo Gallo, explica que o animal poderia ter se machucado na hélice do barco ou então virado a embarcação.

Baleia saltou e foi flagrada por empresário (Foto: Paolo Angeloni/Arquivo pessoal)Baleia saltou e foi flagrada por empresário
(Foto: Paolo Angeloni/Arquivo pessoal)
Baleia-jubarte
Na última semana, uma baleia da mesma espécie foi flagrada fazendo acrobacias no mar em Ilhabela. A baleia foi vista por volta das 15h30 de quinta-feira enquanto nadava por uma faixa de pelo menos 2 quilômetros entre as regiões dos bairros Perequê e Vila.
De acordo com Hugo, a ocorrência das baleias-jubartes vem aumentando no litoral norte de São Paulo nos últimos anos. Além disso, é comum que elas apareçam nessa época do ano porque estão em movimento migratório em direção à região de Abrolhos, na Bahia.
Os machos variam entre 15 e 16 metros de comprimento e as fêmeas de 16 a 17 metros. Elas chegam a pesar até 40 toneladas.



http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/amigo-pet/noticia/2016/06/instrutor-de-mergulho-encontra-baleia-jubarte-em-ubatuba-assista.html

Nenhum comentário

Postar um comentário