.

.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Prefeitura promove formatura para 400 alunos do Inatep

A Prefeitura de Ubatuba promoveu no último sábado (25/6) uma formatura para cerca 400 pessoas que concluíram cursos educacionais e profi... thumbnail 1 summary


A Prefeitura de Ubatuba promoveu no último sábado (25/6) uma formatura para cerca 400 pessoas que concluíram cursos educacionais e profissionalizantes do Instituto Nacional de Treinamento Técnico e Profissionalizante (Inatep) oferecidos por entidades conveniadas com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.


Secretária da pasta, Mariangela Bezerra comemorou o sucesso da iniciativa, que segundo ela resgata a cidadania, a auto-estima e amplia possibilidades. “Um bom conhecimento técnico aumenta significativamente as chances no mercado de trabalho. Nossa prioridade foi investir em gente”, comenta Mari.
“A união entre uma administração pública que oferece oportunidades para as pessoas com uma população que aproveita essas oportunidades gera mudanças permanentes na nossa cidade”, completa o prefeito Mauricio.
Foram 15 cursos que aconteceram em todas as regiões da cidade, voltados à população inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais. Aproximadamente 220 pessoas ainda participam das aulas e devem formar-se nas próximas semanas.
Cursos
Os cursos abordam temas como atendimento e recepção, auxiliar administrativo, de cabeleireiro e de contabilidade, cuidador de idosos, eletricista, manutenção de ar-condicionado e microcomputadores, pedreiro e zeladoria, entre outros, e são realizados pelo INATEP – Instituto Nacional de Treinamento Técnico e Profissionalizante, empresa de Ubatuba.
Entre os destaques, está o curso de inglês, oferecido nos Quilombos da Caçandoca e da Fazenda com o intuito de capacitar a população quilombola para o atendimento de turistas estrangeiros.
Outro curso que teve alta procura é o de corte e costura, ofertado nas instituições conveniadas com a Prefeitura, como Gaiato, Instituto Bla-Bla-Bla Posithivo, Namaskar e Ubatuba em Foco, que atuam em diferentes regiões da cidade.
Mariangela explica que a escolha dos cursos levou em conta tanto a oferta de empregos disponíveis no Balcão de Empregos quanto o levantamento feito pelas assistentes sociais sobre quais eram os anseios da população. “Essa análise determinou também a distribuição da oferta de cursos por todo o município”, disse.

FONTE  .......PREFEITURA  DE UBATUBA -SP.

Nenhum comentário

Postar um comentário