.

.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Prefeitura conclui mais uma etapa do programa Bairro Legal

PMU Representantes da Prefeitura compareceram à Escola Municipal Padre José de Anchieta no final da tarde de segunda-feira, 12,... thumbnail 1 summary

PMU

Representantes da Prefeitura compareceram à Escola Municipal Padre José de Anchieta no final da tarde de segunda-feira, 12, para realizar a entrega dos contratos de Regularização Fundiária de Interesse Social aos moradores das quadras D, E e F do Parque Guarani.




Os contratos de posse registrados em cartório contemplaram moradores das ruas Acre, Sergipe, Tamoios, Iperoig e Baptista de Oliveira. A iniciativa faz parte do programa Bairro Legal.
De acordo com o coordenador de Habitação, Gerson Florindo, esse é um processo que começou em 2007, mas a conclusão se deve a um esforço dessa administração em regularizar essas áreas.
“Eu acho que nós fizemos a nossa parte. Um processo com seriedade, com responsabilidade e compromisso para que os moradores recebessem o título”, enfatizou.
Florindo ainda acrescentou que, com a regularização das áreas, os moradores podem se unir ainda mais a fim de conseguir recursos do Governo do estado para investimento na área, como saneamento básico e asfalto – uma vez que a verba do Governo Municipal é muito restrita.
O próximo passo da equipe responsável é o envio do processo dos residentes das quadras G, H e I para o setor de cadastro, que já está em andamento.



Recapitulando



Representantes da Prefeitura compareceram à Escola Municipal Padre José de Anchieta no final da tarde de segunda-feira, 12, para realizar a entrega dos contratos de Regularização Fundiária de Interesse Social aos moradores das quadras D, E e F do Parque Guarani.
Os contratos de posse registrados em cartório contemplaram moradores das ruas Acre, Sergipe, Tamoios, Iperoig e Baptista de Oliveira. A iniciativa faz parte do programa Bairro Legal.
De acordo com o coordenador de Habitação, Gerson Florindo, esse é um processo que começou em 2007, mas a conclusão se deve a um esforço dessa administração em regularizar essas áreas.
“Eu acho que nós fizemos a nossa parte. Um processo com seriedade, com responsabilidade e compromisso para que os moradores recebessem o título”, enfatizou.
Florindo ainda acrescentou que, com a regularização das áreas, os moradores podem se unir ainda mais a fim de conseguir recursos do Governo do estado para investimento na área, como saneamento básico e asfalto – uma vez que a verba do Governo Municipal é muito restrita.
O próximo passo da equipe responsável é o envio do processo dos residentes das quadras G, H e I para o setor de cadastro, que já está em andamento.
Recapitulando
Em abril deste ano, foi feita a primeira entrega de certidão aos moradores do Parque Guarani – Quadras A, B e C. A entrega é feita em partes porque é um processo muito complicado e trabalhoso. Foram envolvidas várias pessoas e departamentos com participação efetiva da população, por meio da Associação de Moradores.

Em abril deste ano, foi feita a primeira entrega de certidão aos moradores do Parque Guarani – Quadras A, B e C. A entrega é feita em partes porque é um processo muito complicado e trabalhoso. Foram envolvidas várias pessoas e departamentos com participação efetiva da população, por meio da Associação de Moradores.

Nenhum comentário

Postar um comentário