.

.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Guia turístico alerta sobre os perigos de se perder na mata atlântica do Litoral Norte

  “Os turistas estão em busca de aventura. É perigoso, pois eles podem perder o sinal do celular, se acidentarem, encontrarem animais... thumbnail 1 summary

“Os turistas estão em busca de aventura. É perigoso, pois eles podem perder o sinal do celular, se acidentarem, encontrarem animais selvagens e não ter ninguém ao redor para socorrer”, diz o profissional

Por Raell Nunes, de Ubatuba para   TamoiosNews

Na manhã deste domingo (8) dois turistas de Heliópolis (SP) foram resgatados pela Polícia Militar de Ubatuba, após se perderem na região do Itamambuca, que é cercada por mata atlântica. Depois de 4 horas de buscas, a PM encontrou os dois homens, um de 38 anos e outro de 68.





Segundo a polícia, o resgate foi possível porque as vítimas tinham um telefone celular e acionaram o setor. Os policiais também tiveram ajuda de pessoas que conheciam o lugar.
“Conseguimos encontrar os dois, graças a ajuda dos rapazes da SAI (Associação Amigos de Itamambuca), Fernando de Oliveira Castro e Wellington Pereira Cardoso. Sem eles não teríamos êxito”, revelou o capitão de Ubatuba, Robert Scott.
Sobre o caso, o guia turístico, Maycon Thomas, afirmou que sempre que alguém tem a intenção de explorar um lugar que não conhece é necessário contratar um profissional do ramo habilitado. Conforme falou, há muitas situações prejudiciais para quem quer se aventurar e não conhece corretamente a localidade.
Para ele, se o turista está com o guia, ficará sempre mais seguro. O guia sabe o que fazer nas condições climáticas desfavoráveis, sabe caminhar na mata à noite. De acordo com o profissional da área, se uma pessoa tiver uma torção ou qualquer ferimento, o especialista é preparado para atender seu cliente.
“Os turistas estão em busca de aventura. Nesta busca eles acabam entrando em lugares que não conhecem. É perigoso, pois eles podem perder o sinal do celular, se acidentarem, encontrarem animais selvagens e não ter ninguém ao redor para socorrer. Já um guia profissional tem certo um preparo e faz um curso de primeiros socorros”, alertou.
São Sebastião, Ilhabela e Ubatuba são os municípios com mais mata atlântica do Estado de São Paulo. Segundo dados do Atlas dos Municípios da Mata Atlântica, de novembro do ano passado, as três cidades do Litoral tinham entre 84% e 85% de cobertura vegetal.


Nenhum comentário

Postar um comentário