.

.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Prefeitura realiza abordagem junto à população de rua

Os secretários de Turismo, Luiz Bischof, de Cidadania e Desenvolvimento Social, Jurandir de Oliveira Veloso (Pelé), e de Segurança Pú... thumbnail 1 summary


Os secretários de Turismo, Luiz Bischof, de Cidadania e Desenvolvimento Social, Jurandir de Oliveira Veloso (Pelé), e de Segurança Pública, Agnelo Cinel, participaram na quarta-feira, 11, de uma operação de abordagem da população de rua na região central de Ubatuba (avenidas Iperoig e Rio Grande do Sul). A comissão também foi acompanhada por uma integrante do Conselho Tutelar e uma assistente social, além de alguns soldados da Polícia Militar e apoio da secretaria de Serviços de Infraestrutura Pública.


 

A equipe abordou diversas pessoas que estavam alojadas em barracas ou tendas lonadas instaladas nas calçadas. Foram feitas entrevistas para cadastro, orientação sobre os serviços disponíveis na rede municipal de assistência social e de saúde, como a Casa de Passagem, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), o Centro de Referência de Álcool e Drogas (CREAD) e o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). Também foi oferecida a possibilidade de apoio com transporte à cidade de origem.

Além do desemprego, a dependência química e os transtornos mentais são comuns na população de rua, o que demanda a colaboração ainda maior da sociedade e do poder público no seu atendimento. “Em Ubatuba, ainda não temos estrutura suficiente para prestar esse atendimento a todos que dele necessitam, mas estamos de portas abertas para dialogar e construir alternativas”, ressaltou o vice-prefeito e secretário Pelé. “A participação popular é essencial”.

Casa de Passagem

A Casa de Passagem e Acolhimento, que existe em Ubatuba desde agosto de 2014, realiza o serviço de acolhimento institucional a pessoas em situação de rua e atendimento emergencial diário (com banho e alimentação) de andarilhos, itinerantes ou “trecheiros”. 

O espaço conta com área de triagem dos atendimentos a itinerantes para higienização e alimentação, que acontece diariamente de segunda a sexta-feira, das 8 às 10h30 e das 14 às 16 horas (banho). A alimentação – 20 refeições ao dia - é servida às 11 horas.

A estrutura não permite o acolhimento de pessoas em situação de risco pessoal, de idosos ou egressos de internação hospitalar que necessitem de cuidados especiais ou que não possuam plena mobilidade para as atividades da vida diária e outros que não se encaixem no perfil de atendimento da Casa.

O equipamento fica na Rua Hans Staden, 58, no Centro, e é administrado por convênio estabelecido com a organização Samaritanos. O telefone de contato é: (12) 3833-5260.

Atenção especial

A Casa recebe doações de roupas, alimentos e outros itens necessários para a prestação de serviços aos itinerantes e acolhidos. Em rede com o CREAS, a população de rua pode se beneficiar do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI), que desenvolve atividades de orientação e apoio sociofamiliar, atendimento psicossocial, articulação com a rede de serviços de proteção social especial, informação, comunicação e defesa de direitos.

O CREAS fica na rua Maranhão, 279 – Tel. (12) 3833-3316.
Fonte: Secretaria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Ubatuba

Nenhum comentário

Postar um comentário