.

.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Secretaria de Educação entrega equipamentos de cozinha para escolas municipais

Fonte...PMU A secretaria de Educação de Ubatuba adquiriu 34 fogões industriais ( de quatro e seis bocas), 17 freezers de várias capacid... thumbnail 1 summary
Fonte...PMU

A secretaria de Educação de Ubatuba adquiriu 34 fogões industriais ( de quatro e seis bocas), 17 freezers de várias capacidades e 12 geladeiras para suprir as necessidades da rede municipal de ensino. Boa parte das 56 unidades escolares devem receber ao menos um item, cuja cessão será avaliada com base na necessidade e prioridade identificadas.


 

As entregas já estão sendo feitas. Na última terça-feira, 25, foi a vez da CEI Irmã Sofia, no bairro do Ipiranguinha, que contou com a presença do prefeito Délcio José Sato (PSD) e do secretário de Educação, Hélio José de Paula. O local, juntamente com uma unidade vinculada, recebe 160 crianças da região do Ipiranguinha e Vale do Sol, com classes de maternal e berçário, que compreende uma faixa etária de 04 meses a 03 anos.
A CEI foi contemplada com um freezer, uma geladeira e um fogão quatro bocas, assim como a sua unidade vinculada. “Essa é uma necessidade básica mas fundamental. Estamos suprindo as necessidades da rede referente aos equipamentos necessários”, garantiu o prefeito Sato.
Para a diretora Tânia dos Santos Sarkis, o ganho foi considerado uma benção. “Equipamento é tudo. As merendeiras estavam reclamando que os fogões estavam literalmente, caindo aos pedaços. Ter o novo é sempre bom e essa conquista, esse ganho, está valendo à pena”, comemorou.
Aquisição de equipamentos
Somando-se às entregas feitas no início do ano, que consistiram em oito fogões e sete geladeiras, tem-se um total de 42 fogões e 19 geladeiras, contabilizando um investimento total de R$140.799,00.
“Os equipamentos são essenciais para que o cardápio seja cumprido, colaborando com a movimentação de horti-fruti, viabilizando a conservação dos alimentos e proporcionando a confecção das refeições”, salientou Eleine De Faria, diretora de alimentação escolar.
Segundo à equipe responsável pelo departamento de alimentação escolar, essas aquisições podem ser consideradas umas das maiores dos últimos anos, equipando e restabelecendo as condições das cozinhas para seu funcionamento. Estima-se o processo de aquisição de novos equipamentos estava parado, em média, há quatro anos.

Recursos

As aquisições foram feitas por meio de recurso repassado pelo Governo Federal, denominado Fonte 5 (Quotaparte Salário Educação), destinado às prefeituras como transferência constitucional direcionada à pasta para suplementação das despesas públicas com a educação elementar – o que permite que seja investida em qualquer ação dentro da referida secretaria, exceto gastos com folha de pagamento.
“Percebemos a necessidade das escolas. Algumas estão reclamando há anos dos problemas que alguns itens vêm apresentando. Essa iniciativa ousada da secretaria vai suprir essa necessidade”, opinou o secretário de Educação.

Utensílios

A aquisição de utensílios, como pratos, assadeiras, canecas, escorredor de massas, jarras e caldeirões também está sendo feita com recursos de transferência Federal e devem começar a ser entregues.
Cabe ressaltar que uma outra parte dos utensílios necessários estão em processo licitatório e, assim que disponíveis serão distribuídas atendendo, assim, à demanda atual.
Também existe uma previsão para que parte das aquisições necessárias fiquem programadas para 2018, como por exemplo, a compra de mesas de refeitório.

Nenhum comentário

Postar um comentário