.

.

sábado, 29 de julho de 2017

Experimental de Dança de Ubatuba conquista prêmio inédito no maior Festival de Dança do Mundo

Por: Melissa Schirmanoff.............JornalA Cidade  Ubatuba e Região 28 de Julho de 2017 às 09:00   A Experimental de Dança de U... thumbnail 1 summary


Por: Melissa Schirmanoff.............JornalA Cidade  Ubatuba e Região
28 de Julho de 2017 às 09:00
 
A Experimental de Dança de Ubatuba, selecionada para a Mostra Competitiva do Festival de Dança de Joinville, considerada o maior festival de dança do mundo representou Ubatuba na 35ª edição do festival com a coreografia "Beatlemania", conjunto júnior de Jazz, da coreógrafa Brisa Diamante, que ganhou o 2º lugar na competição. É a primeira vez que um grupo de Ubatuba é selecionado para a Mostra Competitiva do maior Festival de Dança do Mundo.


 

A Mostra Competitiva é o maior acontecimento dentro do Festival. Todos os olhares estão para este palco principal do Centreventos Cau Hansen, que tem uma plateia de 5.000 pessoas. O processo de seleção é muito rigoroso, sendo que poucos grupos são escolhidos para competir. "Já estar entre os selecionados seria um prêmio, mas fomos agraciados com o 2º lugar dentro da competição, sem falar nos aplausos fervorosos da plateia e nos elogios dos jurados, que fizeram a nossa felicidade triplicar! É muito pouco tempo de escola para algo tão grande", comenta Brisa Diamante, coreógrafa e uma das diretoras da escola.

Os jurados da noite competitiva de Jazz Júnior foram nada menos que Caio Nunes, coreógrafo da Rede Globo, Helô Gouveia, diretora do renomado Estúdio Anacã, Tania Nardini, diretora internacional oficial do musical Chicago, Soraya Bastos, coreógrafa de programas de TV e shows internacionais, e Fernanda Chamma, jurada do Dancing Brasil, programa apresentado por Xuxa Meneghel, na TV Record, que se encantou com a coreografia e ressaltou à coreógrafa: "Essa é a verdadeira energia do Jazz Dance. Parabéns!".
A Experimental de Dança de Ubatuba foi para Joinville com uma equipe de 44 pessoas. Além do Jazz Juvenil da escola, também participou do Festival o elenco de Ballet Clássico Juvenil, comandando por Saloly Furtado, diretora da escola. A obra "L'Amour", criada por ela, se apresentou nos Palcos Abertos do Festival e foi convidada para participar ao vivo de um Programa da TV Record.
"O processo pelo qual passaram estes bailarinos, desde os ensaios às apresentações em Joinville foram enriquecedores, pois possibilitaram experiências de crescimento técnico e artístico, em função do alto nível deste festival." enfatiza Saloly Furtado.
Participaram também das apresentações, os bolsistas do Projeto Social Sonhos Dançantes, mantido pela Experimental. A experiência vivida por eles retrata como são valiosas iniciativas como esta, que transformam vidas e realizam sonhos. "Eu amei ver aqueles bailarinos dançando com tanta técnica. Quero ser um grande bailarino", diz Isaías Dias, que está na escola desde o início e faz aulas gratuitas de todas as modalidades, para sua formação. 
"Este prêmio confirma que estamos no caminho certo, pensando a dança como ferramenta de transformação, como algo precioso na vida desses jovens, que têm na Experimental a possibilidade de uma formação completa, como um bailarino versátil, atuante em diversas modalidades de dança, que é o que espera o mercado de trabalho dessa arte", ressalta Brisa Diamante.
O Festival é considerado o maior evento de dança do mundo pelo livro dos recordes, Guiness Book, desde 2005.  É uma grande vitrine onde a arte da dança é, de fato, reconhecida.
Mantido com o apoio de patrocinadores e promovido pelo Instituto Festival de Dança de Joinville, o evento reúne mais de seis mil participantes diretos e atrai público superior a 200 mil pessoas.
Sobre a Experimental de Dança de Ubatuba
Inaugurada em setembro de 2015, em Ubatuba, sob a direção de Brisa Diamante e Saloly Furtado, a Experimental de Dança de Ubatuba tem como missão oferecer uma formação completa em dança e ser referência como um espaço de transformação, por meio da arte, com aulas de Ballet Clássico, Jazz Dance, Danças Urbanas, Sapateado, Pilates, Flexibilidade e Canto. Há turmas para crianças (a partir de 3 anos), jovens e adultos, em diferentes níveis.
Sobre o Município de Ubatuba
No Litoral Norte de São Paulo, Ubatuba tem 102 praias, mais de 20 ilhas e grande parte de seu território é de Mata Atlântica intocada. Suas praias oferecem condições para as práticas de surf, mergulho, pesca, vela e para todos os tipos de esportes aquáticos. Considerada um paraíso ecológico do Litoral Norte paulista, o município conta com ampla rede hoteleira e gastronômica, agregada a infinitas riquezas naturais e uma rica cultura.



Fonte: Brisa Diamante - Saloly Furtado/ Experimental de Dança de Ubatuba

Nenhum comentário

Postar um comentário